Por Valentin Thomaz*

 

Filho de pequenos agricultores da região central do estado, sai de casa aos 10 anos em busca de oportunidade de estudos. Aos 14 anos deixou a sua região em busca de oportunidade de trabalho, pra ter uma renda, ajudar a família e talvez, um dia retornar ao interior. Mas a ideia de ganhar o mundo em meio ao trabalho e ao estudo já encontrou desafios logo de chegada, quando do trabalho não recebe apoio nenhum a voltar a estudar, muito pelo contrário. Em 1989 foi demitido da empresa calçadista que trabalhava ao negar seu apoio ao candidato defendido pela empresa e reafirmar o apoio ao companheiro Lula.

Nelson Spolaor, 50 anos, casado com a Ederlei, pai da Sabrina e do Kau Lenin, é advogado, pós graduado em gestão pública pela UFRGS, começou a militância nas pastorais da juventude e operária, CEBs, foi Vereador por dois mandatos e Prefeito do Município de Sapiranga, de 2006 à 2012, onde foi reconhecido por políticas estratégicas democráticas, do diálogo, da participação coletiva, da inversão de prioridades, onde transformou a Cidade das Rosas numa referência em educação, desenvolvimento econômico e inclusão social, inserindo a cidade num processo de destaque regional e nacional.  Atuou no movimento estudantil, no movimento popular e sindical, desde os anos 90, junto com líderes como Ary Vanazzi,entre outros, tem atuação destacada na luta pelo direito à moradia, a reforma urbana, e na constituição do Movimento Nacional de Luta pela Moradia.

Nascido na cidade da Mata, enfrentou desde cedo, como muitos trabalhadores, o desafio da busca de oportunidades e dias melhores. Em 2014, concorreu a Deputado Estadual, em 2014, ficando na suplência com mais de 30 mil votos dos gaúchos e gaúchas.

Spolaor trabalhou no comércio, foi professor e funcionário do Sindicato dos Sapateiros de Sapiranga, secretário-adjunto da Secretaria Estadual de Habitação no Governo Olívio Dutra e coordenou o gabinete do deputado Ary Vanazzi.

No Governo Tarso Genro, atuou como Secretário Adjunto do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (Secdes), e em 2017 assume pela segunda vez a Secretaria Municipal de Habitação do Município de São Leopoldo, onde atuou ampliando e fortalecendo o diálogo e a participação popular, com moradores das ocupações, comunidade em geral, buscando alternativas às questões urbanas, do Direito à Cidade e na garantia da Regularização Fundiária para milhares de famílias Leopoldenses.

No último dia 6 de abril, se descompatibilizou da função, e se coloca à disposição do Partido dos Trabalhadores como Pré Candidato a Deputado Estadual, como militante da Articulação de Esquerda, neste momento histórico que estamos vivendo, na denuncia do Golpe, na defesa da democracia, na liberdade e na eleição como Presidente do Companheiro Lula, buscando conquistar um espaço no Legislativo Gaúcho, que possa articular um conjunto de políticas que afirmem a Reforma Urbana, o Direito à Cidade, a luta da juventude, das mulheres, o fortalecimento dos movimentos e do partido, como ferramenta de construção permanente de uma política de base e construção coletiva.

 

* Valentin Thomaz é jornalista

 

Fonte: Página 13, n. 186, mai. 2018

Comente!

Fechar Menu
×

Carrinho