NOTA SOBRE A NÃO REALIZAÇÃO DA ELEIÇÃO DA COMPOSIÇÃO DO DIRETÓRIO ESTADUAL DO PT AMAZONAS

Informamos ao conjunto do Partido dos Trabalhadores que nos dias 19 e 20 de outubro de 2019, fora realizada a etapa estadual do Congresso do PT Amazonas, em preparação para o 7° Congresso Nacional do Partido dos Trabalhadores. Na presente etapa estadual, realizada na cidade de Manaus, NÃO FORA REALIZADA A ELEIÇÃO PARA A DIREÇÃO ESTADUAL DO PARTIDO, conforme estabeleceu o regime aprovado no próprio Congresso, bem como estabelece o Estatuto do PT. 

Fomos surpreendidos com o encerramento do Congresso Estadual logo após a eleição para a presidência estadual do partido. Não houve consulta a plenária do Congresso a respeito da não realização da votação nas chapas inscritas para a composição da direção estadual do PT Amazonas. Todo o processo de inscrição de chapas foi desconsiderado com a não realização eleitoral. Alguns membros da Comissão Organizadora Estadual (COE – AM) não poderiam tomar essa decisão de forma arbitrária, demonstrando um total desrespeito às regras democráticas do PT e aos/as militantes amazonenses presentes no Congresso.

O Regimento Interno foi rasgado pela coordenação dos trabalhos. O Artigo 37º é taxativo: “Os membros do Diretório Estadual, da Comissão de Ética e do Conselho Fiscal serão eleitos durante o 7º Congresso Estadual, através de chapas inscritas junto á Secretaria Estadual de |Organização, observando a proporcionalidade, a paridade e, no Diretório e na Executiva, observando também as cotas de juventude e Etnia Racial.”

Quatro chapas, que juntas contam com 104 delegados e delegadas, ou seja, mais de um terço do Congresso Estadual, ficaram na plenária exigindo a eleição para a Direção Estadual. 

Conforme dados divulgados pela Secretaria Nacional de Organização do PT, apenas no estado do Amazonas não fora realizada a votação. 

A não realização da votação nas chapas inscritas demonstra o intuito de favorecer as chapas que não permaneceram com seus delegados e delegadas em todo o processo do Congresso. Se a eleição para a direção estadual ocorresse no Congresso, poderia mudar de forma significativa a composição da Direção Estadual do PT Amazonas.   

Diante do exposto, repudiamos a forma que foi conduzida o processo eleitoral do Congresso, bem como o encerramento do processo de votação sem que tenha ocorrido a eleição das chapas para a Direção Estadual do PT Amazonas, e informamos que iremos recorrer às instâncias partidárias devidas para que seja reparado o direito de votar e eleger a nova Direção Estadual do Partido dos Trabalhadores no estado do Amazonas. 

Manaus, 20 de outubro de 2019.

Assinam:

Articulação de Esquerda Amazonas

CNB Amazonas

Diálogo e Ação Petista Amazonas

Mensagem ao Partido Amazonas 

Resistência Socialista Amazonas

UniPT Amazonas

Comente!

Fechar Menu
×

Carrinho