Paulo Campos assumiu, em 2009, a Embaixada do Brasil na Espanha, onde atuou até 2015, quando foi nomeado embaixador na França. Desempenhou nos dois países um papel fundamental e estratégico, ajudando a construir a imagem de um Brasil que era admirado e respeitado em todo o mundo.

Hoje perdemos um grande brasileiro, e sobretudo um grande amigo. O companheiro Paulo Campos, conhecido carinhosamente como POC, nos deixou após uma longa e dura batalha contra um câncer no pulmão. POC esteve conosco desde o início do governo, em 2003, na função de chefe do cerimonial do Planalto, papel que exerceu sempre com muita lucidez, coragem e firmeza de caráter. Foi também um importante conselheiro, com uma percepção marcada pelo bom senso e por forte empatia com as pessoas.

Assumiu, em 2009, a Embaixada do Brasil na Espanha, onde atuou até 2015, quando foi nomeado embaixador na França. Desempenhou nos dois países um papel fundamental e estratégico, ajudando a construir a imagem de um Brasil que era admirado e respeitado em todo o mundo.

Meus sinceros sentimentos a todos que hoje sofrem com sua perda, em especial sua mulher e filhos. A eles meu afetuoso abraço.

Luiz Inácio Lula da Silva

(*) Publicado originalmente no site do PT

Comente!