Por Thelma Mello

O cara fala de virgens e histeria pra justificar uma falácia e acaba reforçando a estupidez do pensamento politicamente promíscuo e misógino.

No momento que a sociedade brasileira precisa fazer uma reparação histórica à companheira Dilma Rousseff, que teve seu mandato roubado pela elite da bala e da bíblia, no momento em que a companheira Dilma viveu um estupro simbólico, midiático e coletivo pelos tais homens do parlamento brasileiro. Neste exato momento, onde a balança volta pesar à consciência do  povo que deu seu voto  ao fascismo, ter esse tipo de fala de um vice presidente do partido das trabalhadoras e trabalhadores é inaceitável e revoltante.

Dilma não se atrapalhou como refere o vice presidente. Na verdade “atrapalharam” o governo do PT  e parece que o Quaquá, numa síndrome de Estocolmo, quer atrapalhar o meio de campo da esquerda partidária e de quebra reforçar a premissa machista de que mulher tem lugar e não é na política.

Espero que essa moléstia que se instituiu no Brasil de vice golpistas não recaia sobre a presidência do PT, e que em janeiro de 2023, Lula, num gesto simbólico de reconstrução social e respeito à ordem democrática e aos mais de 52 % de mulheres do Brasil, convide  Dilma Rousseff a subir com ele a rampa presidencial.

E antes que eu me esqueça…. sobre política e alianças, será que o vice do PT recomenda as mães negras das favelas que jantem com os algozes dos seus filhos, e brindem à nova ordem????

Viva o PT
Viva as mulheres na política
Viva o povo brasileiro e a consciência de classe.

Thelma Mello, 01/01/22.

Comente!