Página 13  divulga texto de Tadeu Brito, militante petista, a respeito dos debates do 7º Congresso do PT em Sergipe.

 

À esquerda sergipana e aos petistas

 

Duas chapas e duas teses (413 e 420) disputando o PT em Sergipe:

 

A chapa 413 é composta por quase 500 militantes e filiados, dentre elas e eles: Conceição Vieira, Ana Lúcia Menezes, Eliane Aquino, Márcio Macedo, Iran Barbosa, Rogério Carvalho, João Daniel. A tese dessa chapa não foi apresentada por escrito (sic!)… mas a manutenção do PT nos Governos de Belivaldo e Edvaldo é certamente a principal tese desse bloco/chapa. Mas porque Iran e Ana, que sempre afirmaram outra posição, estão nessa chapa, auto denominada “varias forças – uma só luta” ?? Por que não inscreveram uma terceira chapa ???

 

A outra chapa tem o número 420, se chama “Em tempos de guerra, a Esperança é Vermelha”, e nossa principal defesa é a luta para que o PT tenha protagonismo desde já, que rompa com os governos de Belivaldo e Edvaldo e, sem ilusões, construa um programa popular e articule um bloco de esquerda com outros partidos de esquerda, com as juventudes de luta, com os movimentos populares, sociais e sindicalistas combativos. Queremos um partido de combate em nivel nacional e nos municípios. Derrotar a reforma da previdência de Bolsonaro, Belivaldo e Edvaldo. Construir o PT nos municípios e em Sergipe como alternativa de governo e de poder.

 

São duas chapas com duas teses bem diferentes. Esses debates não acabam no domingo (08 setembro), quando os e as petistas filiados e militantes podem votar nos seus municipios de filiação.

 

Rumo ao Congresso em outubro e novembro.

 

Tadeu Brito é militante do PT

Comente!

Fechar Menu
×

Carrinho