Por Valter Pomar (*)

Na sexta-feira 11 de fevereiro participei de uma “live” com o deputado federal José Guimarães.

Participaram também José Genoíno, Douglas Martins e Natália Sena, três dos integrantes da equipe do Manifesto Petista, blog político-jornalístico que realizou a referida “live”.

Cerca de 80 pessoas assistiram ao vivo a entrevista de Guimarães.

Certamente o número cresceria bastante depois de encerrada a entrevista.

Mas não foi assim, porque decidimos retirar a live do ar, uma vez que nos demos conta de que o entrevistado – apesar de avisado diversas vezes – falava como se estivesse numa reunião fechada e não ao vivo.

Tirar do ar uma entrevista é péssimo.

Especialmente depois de ler, num tuite da companheira Gleisi Hoffmann, o seguinte:

 

Afinal, quem lê o tuíte acima e não assistiu a entrevista do companheiro Guimarães, pode ficar sem entender quem são os que “jogam contra”.

Espero que o companheiro Guimarães fale, ao Diretório Nacional do Partido, o mesmo que contou na entrevista ao Manifesto Petista.

Como disse uma companheira muito, mas muito importante na história do PT, a análise do Guimarães sobre a federação é “devastadora”.

(*) Valter Pomar é professor e membro do diretório nacional do PT

Comente!